Marcelo Nlele fotografa 67º Festival de Cannes A sétima arte celebrada a nível internacional

Envie este artigo por email

A 67ª edição do Festival de Cannes terminou com a Palma de Ouro para o turco Nuri Bilge Ceylan, com o seu filme "Winter Sleep.

Marcelo Nlele fotografa 67º Festival de Cannes  A sétima arte celebrada a nível internacional
Marcelo Nlele fotografa 67º Festival de Cannes A sétima arte celebrada a nível internacional

 Cannes, a bela e acolhedora Cannes com o olhar estendido sobre o Mediterrâneo, na Côte d'Azur, recebeu mais uma vez, de 14 a 25 de Maio deste ano, o maior evento mundial do Cinema, esse “no man´s land apolítico, um microcosmos do que seria o mundo se os homens pudessem ter contactos directos e falar a mesma lingual”, como o designou o cineasta francês Jean Cocteau, ou como disse o delegado geral do Festival, o também francês Thierry Frémaux, “um bem colectivo que cada um de nós, onde quer que se encontre e à sua maneira, constrói pedra a pedra, ano após ano”. Trazemos aqui às páginas do jornal Cultura, algumas imagens captadas pela objectiva ‘serrazina‘ do nosso colaborador em Paris, Marcello Nlele (da Presscrea Agency) que, pela sua qualidade levam o leitor a ‘entrar’, mesmo em diferido, no espectáculo de luz, cor e som que foi o Festival de Cannes 2014.

Como revela o sítio internet do Festival de Cannes, “desde as suas origens, o Festival de Cannes é fiel à sua vocação fundadora: revelar e valorizar obras para servir a evolução do cinema, favorecer o desenvolvimento da indústria do filme no mundo e celebrar a 7ª arte a nível internacional”.

Comentários

Newsletter


Colabore com o Jornal Cultura - Envie-nos os artigos da sua autoria.

Colaboradores Ver todos