Fim-de-semana jazzístico em Cape Town

Envie este artigo por email

Realizou-se nos dias 27 e 28 de Março de 2015 o Festival Internacional de Jazz de Cape Town, no Centro Internacional de Convenções. Foram mais de 40 os artistas, de múltiplas nacionalidades, que actuaram neste prestigiado Festival de Jazz, que comemorou a sua décima sexta edição este ano.

Fim-de-semana jazzístico em Cape Town
Yvonne Chaka Chaka

A variedade e qualidade dos artistas têm sido a fórmula de sucesso deste festival, que atrai anualmente milhares de visitantes à África do Sul. Este ano não foi excepção, apresentando um alinhamento composto pelos melhores nomes do jazz internacional, como Amel Larrieux (EUA), Basia Trzetrzelewska (Reino Unido/Polónia), Courtney Pine (Reino Unido), Dirty Loops (Suécia), Gerald Clayton Trio (EUA), Sons Of Kemet (Reino Unido), Purbayan Chatterjee & Talvin Singh (Reino Unido /India), Wallace Roney Quintet Ft Lenny White & Buster Williams (EUA), Al Jarreau (EUA), Andrea Motis And Joan Chamarro (Espanha), Cannibal Ox (EUA), Dee Dee Bridgewater & Irvin Mayfield With The New Orleans Jazz Orchestra (EUA), Jason Miles (EUA), Mr Cheeks (EUA) e Thundercat (EUA), entre outros.
Os anfitriões actuaram nos cinco palcos do festival, baptizados com os nomes de Kippies, Basil “Manenberg” Coetzee, Moses Molelekwa, Bassline e o famoso e aclamado Rosies. É o caso de artistas como Beatenberg, Claude Cozens Trio, Delft Big Band, Madala Kunene, The Mahotella Queens, Melanie Scholtz, Naima Kay, Sipho "Hotstix" Mabuse, The Brother Moves On, Zoe Modiga, Donald, Gavin Minter, Heathfield High School Jazz Band, Jitsenic, Mike Perry's, Naima Mclean, Prophets Of Da City, Ringo Madlingozi e The Pacific Express.
Aproveitando o entusiasmo e a amplitude do festival, para além dos concertos, e como já vem sendo hábito, foram igualmente integradas no programa diversas actividades dirigidas aos fãs do evento, que decorreram durante a semana de 21 a 28 de Março: workshops de música, fotografia, moda e jornalismo e diversas exposições.
O Festival Internacional de Jazz de Cape Town tem crescido de forma significativa ano após ano, tornando-se numa importante bandeira para a Cidade do Cabo, contribuindo assim para a divulgação da música Jazz, do turismo e, claro, para o desenvolvimento económico da região.
Ao longo dos anos, o festival tem atraído um público cada vez maior de todos os cantos do país e do mundo e mais uma vez os bilhetes esgotaram, fazendo da edição de 2015 um verdadeiro sucesso, e provando que a musica jazz está de "boa saúde".

Cape Town,
uma cidade inesquecível

Cape Town, ou Cidade do Cabo, é a cidade anfitriã do Festival de Jazz. Muitos dos visitantes aproveitam o Festival, para fazer umas pequenas férias nesta cidade cosmopolita, considerado um destino imperdível da África do Sul, repleta de animação, beleza natural e história.
A cidade oferece também várias opções de lazer, bons restaurantes, compras e uma vida cultural muito rica.
Visitar a expressiva e imponente Table Mountain (Uma das 7 Maravilhas Naturais do Mundo), dar um mergulho nas lindíssimas banhadas pelo Oceano Atlântico e o Índico, dirigir pela Champan’s Peak Drive, conhecer o Cabo da Boa Esperança (um dos pontos geográficos mais importantes do continente africano), passar pela V&A Waterfront (é uma área ideal para passeios, compras e entretenimento) e a região dos vinhos de Stellenbosch são passeios imperdíveis e que proporcionam paisagens maravilhosas e inesquecíveis!
Maria Caetano |

Comentários

Newsletter


Colabore com o Jornal Cultura - Envie-nos os artigos da sua autoria.

Colaboradores Ver todos